MORMONISMO - TESTEMUNHO DE UM EX-MÓRMON


Minha vida. Quase morri ao nascer em 27/07/1989, pois sou prematuro de seis meses. Eu e meu irmão gêmeo, André Luiz, graças a Deus sobrevivemos. Sempre gostei de ler. Li vários livros de literatura nacional e internacional. Fui atropelado em 2001, mas nada sofri. Sou Líder comunitário desde os 16 anos porque gosto do envolvimento com a visa social e política da cidade. Destaco-me por uma inteligência diferenciada dos jovens dada a minha paixão pelo saber. O mundo à minha volta me incita a estudá-lo. Gosto da boa música dos anos 60, 70 e 80, também da clássica e de óperas. Aprecio também o teatro e filmes comoventes e me emociono facilmente com a singeleza dos atos simples da vida dos homens e até da natureza. Gosto de acompanhar a vida política em minha cidade e já fui membro do partido PFL (atual DEM) e do PRB; fui até presidente do movimento juvenil do PRB Teresópolis por 10 meses e amigo de lideranças políticas municipais e federais. Fui membro do PT tendo sido assessor parlamentar de um Deputado Estadual do PT na Assembléia Legislativa do Estado Rio de Janeiro após isso fui para PSOL sendo candidato a vereador em 2016 onde saí em 2018, pois me descobri e ainda permaneço comunista. Devo esse apego à vida política ao meu pai que foi vereador em Espera Feliz, MG pelo PDS. Estudei Teologia na Universidade Metodista em São Paulo no seu pólo Petrópolis/RJ Sou professor de teologia e um defensor de direitos humanos.
Minha vida sem Deus. Fui membro batizado do catolicismo por treze anos - Estudante das Testemunhas de Jeová por um ano - membro batizado do mormonismo por quatro anos.
Como me converti ao Senhor Jesus Cristo. Tudo começou em Agosto de 2007 quando eu presenciei o Elder (Missionário SUD) mandar um evangélico, líder de uma Igreja Assembléia de Deus, calar a boca. Comecei a ler a Bíblia sem pensar em religião. Eu estava muito triste pensando em findar a minha vida. Comecei a ler em 20 Setembro 2007 a Bíblia toda. No meio da leitura da Bíblia tinha muitas dúvidas a respeito da Igreja SUD. Comentei sobre tais dúvidas com um amigo batista chamado Marcos Alexandre (Ninho) e um membro da Igreja SUD de Curitiba PR (além de mórmon ele é maçom). Na Igreja SUD nós líamos a Bíblia com manuais da Igreja ao lado. Ou seja, a igreja pensava por nós. Então, pra mim foi uma supresa essas passagens bíblicas. Aí, em dezembro 2007 já tinha me formado no Seminário SUD e recebido o Sacerdócio de Melquisedeque da Igreja SUD no oficio de ELDER do mais velho portador do Sacerdócio da Igreja SUD em Teresópolis. Ele era também o mais velho membro da Igreja SUD em Teresópolis; tem 50 anos de batismo na Igreja SUD. Foi ele quem deu o primeiro sacerdócio de Melquisedeque a um membro negro da igreja SUD no Brasil e no mundo, que veio a ser o primeiro negro a compor o Quorum dos 70 em Salt Lake City. Eu já tinha batizado três pessoas e confirmado como membro a outros três e dado o sacerdócio a um na igreja e levado a igreja umas 80 pessoas junto aos missionários da Igreja SUD de Teresópolis. Tinha sido também considerado o Jovem mais inteligente da Igreja SUD em Teresópolis RJ. Os membros me chamavam de Ph-D (Embora não existe este titulo nas capelas SUD; só na Universidade). Já estava me preparando para MISSÃO SUD de Tempo Integral a partir de Julho de 2008, mas dentro de mim era um vazio e eu não tinha tempo pra mim. Chegava à Igreja as 6 da manhã e saía às 20 horas. Eu era um “FARISEU”. Era conhecido por pessoas nos Estados Unidos e todos os estados brasileiros, mas a Bíblia falava mais alto que qualquer coisa. Eu tinha tudo e ao mesmo tempo não tinha nada. Quando decidi sair da Igreja pensei e chorei muito de arrependimento ao me lembrar que coloquei tantas pessoas naquela igreja. Na madrugada do ano-novo 2007/2008 OREI ao SENHOR JESUS CRISTO INVOCANDO-O E ACEITANDO- O COMO MEU SALVADOR E A BÍBLIA COMO PALAVRA DE DEUS, rejeitando qualquer ensinamento não-bíblico e parei de ir às religiões para satisfazer o Ego. Na Igreja SUD fui EXCOMUNGADO no dia 02-03-2008 por não aceitar mais as suas doutrinas e práticas. (Ler: Filipenses 3:7-9)
Minha vida agora com Jesus. Hoje minha vida é relativamente boa, continua a mesma com a diferença de que tenho Jesus em meu coração. Dizem até que sou um Martinho Lutero moderno, mas a verdade é que sou de Jesus Cristo. Hoje se eu com minha vida não transmitir o amor de Deus por meio Jesus Cristo então prefiro que Deus tire a minha vida. Lembro-me do que disse o Marechal Rondon e faço das palavras dele um lema de vida: “MORRER SE PRECISO FOR, MATAR NUNCA”. Não cultivo em meu coração raiva ou ódio pela liderança mórmon que me ensinou a crer em mentiras, antes desejo que eles e todos os membros dessa igreja sejam salvos pelo mesmo sangue que me purificou e salvou – o SANGUE DE JESUS CRISTO. Hoje sou cristão protestante sendo batizado na Primeira Igreja Batista em Teresópolis/RJ onde permaneci 10 anos, mas hoje estou sem igreja local porem vinculado de forma individual a Aliança de Batistas do Brasil que é uma denominação protestante ecumênica e de postura progressista que apóia teologia queer, negra, feminista e da libertação.
“Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis na palavra, no trato, no amor,no espírito, na fé, na pureza; Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá. Não desprezes o dom que há em ti... Medita estas coisas; ocupa-te nelas para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos” (1ª Timóteo 4:12-16 ACF)

Teresópolis, janeiro de 2018
MARCOS VINICIOS HABIB MOREIRA
SERVO DE JESUS CRISTO DE NAZARÉ / PROFESSOR DE TEOLOGIA
MEMBRO DA ALIANÇA DE BATISTAS DO BRASIL
marcoskhabbaz@gmail.com ( 21 ) 99117-4756

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7

A IMPORTÂNCIA DE SUPORTARMOS UNS AOS OUTROS

VÓ ROSA - APOSTILA PARA ESTUDAR AS CRENÇAS DA SEITA