TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - MUDANÇAS DE ENSINOS QUE ME PASSARAM DESPERCEBIDAS - 333 a 336.


Eu queria pedir perdão a meus leitores por ter deixado passar despercebidas várias mudanças de ensinos da seita TJ nos últimos cinco anos. Até 05.10.2017, eu havia catalogado 332 delas, mas graças a Deus acabei descobrindo outras. Como eu havia publicado cada mudança de ensino nos últimos anos, todas enumeradas, estas novas luzes nos últimos cinco anos serão enumeradas a partir e 333. Vejamos uma saraivada de luzes do "jeová-TJ" despejadas sobre o Corpo Governante:


COMENTÁRIO CRISTÃO - É inacreditável como há mudanças de ensinos TJs que se adequam ao que nós já cremos há muito tempo. É como se o "jeová-TJ" adaptasse as suas novas luzes aos ensinos das igrejas que os TJs chamam de Babilônia, a Grande, o império mundial da religião falsa. Veja, por exemplo, como isso é verdade. O livro Daniel - Introdução e Coemntário, página 99, de Joyce G. Baldwin, publicado em 1983 pela Editora Vida Nova, afirmou sobre esses reinos serem dos dias de Daniel. Veja: "O Deus do céu, em contraste, realizará o seu firme propósito de estabelecer um reino duradouro nos dias destes reis: a expressão e vaga, pois nenhum rei havia sido mencionado desde Nabucodonosor; porem, e natural assumir que o autor pensava nos reis do último reino mencionado. Enquanto os outros impérios mundiais haviam sido sucessivamente derrubados por outros conquistadores, ninguém poderá tomar de assalto a este aqui mencionado. Embora os reinos pareçam ter sido consecutivos, há aqui uma sugestão de que possam ser contemporâneos." Que deus tolo é esse que permite seu Corpo Governante ensinar errado de 1874 a 2012, ou seja, 138 anos, e quando manda uma nova luz de interpretação, passa ensinar exatamente como as igrejas de Babilônia, a grande? Que deusinho falso, não é mesmo? Próxima!


COMENTÁRIO CRISTÃO - Realmente não é uma mudança importante, mas só em 2012 que o "jeová-TJ" mandou a luz incluindo Mordecai e Ester no cumprimento de Gênesis 49:27. Mas a próxima mudança dá o que pensar. Veja:


COMENTÁRIO CRISTÃO - O que mais impressiona é que omitiu-se aqui uma forma anterior de todas para designar anciãos e servos ministeriais. Antigamente, era por votação, ou eleição. Depois sim que passou a haver uma indicação enviada dos anciãos para o Corpo Governante, com a aprovação do superintende de circuito. Depois que o Corpo Governante aprovava a designação, anunciava-se o novo ancião ou servo ministerial. Décadas depois, em 2014, mudou-se para o ensino atual. Anciãos e servos ministeriais são designados pelo superintendente de circuito, juntamente com os anciãos das congregações locais. O que mais chama atenção é que depois de 140 anos de história TJ é que ELES SE APROXIMARAM MAIS DO PROCEDIMENTO PADRÃO DO PRIMEIRO SÉCULO. Ou seja, em 90% das Igrejas evangélicas e protestantes, são os pastores locais e suas respectivas igrejas que ordenam os pastores e diáconos. O novo jeito TJ está bem mais próximo de nossas igrejas os ordenarem, as quais fazem isso HÁ SÉCULOS! Que piada! É o "jeová-TJ" se adequando às supostas igrejas do diabo. Próxima:


COMENTÁRIO CRISTÃO - A primeira interpretação era aberrante. Qualquer jumento em história de Israel e linguagem hebraica entenderia que os sete pastores e oito príncipes não poderiam ser uma liderança pequena em favor de muitos em Israel. Assim, se formos entender um cumprimento de Miqueias 5:5 para os nossos dias, teríamos que entender como toda forma de Deus proteger sua igreja, seja através de quem for. Ou seja, sete é símbolo de perfeição, e oito, um pouco mais que perfeição. Parece significar que Deus providencia quantos forem necessários para proteger a Igreja de Cristo. A nova interpretação TJ se aproximou mais do que já cremos. Todos os bons comentários de Miqueias que contextualizam o 5:5 aos nossos dias entendem como eu defendo acima. Em 2008, o Pr. Hernandes Dias Lopes lançou um comentário de Miqueias onde ele afirma que se refere a todos os meios que Deus usa para proteger a Igreja (e não à uma pequena liderança em Israel e muito menos na Igreja). Parabéns, ó "jeová-TJ"!!!!! O senhor está chegando lá! - Pr. Fernando Galli.
_________________________________

Observação: Os TJs virtuais de plantão, desesperados, andam se justificando dessas interpretações mudantes, 336 agora (nas minhas contas e isso se eu não percebi outras). Sua argumentação tem sido a seguinte: Não é lindo e maravilhoso o povo de Jeová reconhecer erros? Não é isso uma demonstração de humildade? A RESPOSTA É NÃO. Quando alguém erra uma interpretação e a muda, ele não deveria julgar os outros errados e apenas ele certo, pois ele pode ter mudado para uma interpretação errada novamente. A seita TJ muda sempre porque todas as outras velhas luzes não eram de Jeová, senão não precisariam de serem corrigidas. A verdade é uma só: Parece PIADA uma seita ensinar que é Jeová quem dá novas luzes de entendimento para o Corpo Governante, sendo que 336 dessas luzes precisaram ser corrigidas. E ainda se acham os únicos adoradores a compor a única religião verdadeira. 03:03 da manhã, bom dia a todos! Para mim, boa noite!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - DESCULPAS PARA JUSTIFICAR SUAS FALSAS PROFECIAS PARA 1914, 1925 E 1975

APOSTILA - RAZÕES PARA JAMAIS SER TESTEMUNHA DE JEOVÁ - NÍVEL INICIANTE 1

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7