TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - REFEIÇÃO NOTURNA DE JESUS OU DE SATANÁS?!

Durante os quase dezessete anos que fui um assecla do corpo governante TJ, entendia que não podia participar do pão e do vinho na ceia, ou como eles chamam, refeição noturna do Senhor. Segundo havia aprendido lá, apenas os membros dos 144 mil podem participar dos emblemas. E como desses 144.000 atualmente apenas uns 18 mil estão vivos ainda esperando falecer para ir ao céu, isto significa que, no universo de quase 8 milhões de TJs batizadas no mundo, 1 a cada 444 TJs pode comer e tomar o pão e o vinho. Isto significa que na média a cada 4 congregações TJs, com média de 100 membros, apenas uma terá um "ungido" participante. Mas o que dizer da imensa maioria dos TJs que não são dos 144 mil? Eles podem participar dos emblemas? Veja no vídeo abaixo como os membros TJs fora dos 144 mil participam da ceia:


Depois de ter visto o vídeo acima, leiamos os ensinos de Jesus e dos apóstolos, e notemos se há sequer um único versículo da Bíblia que justifique a atitude dessas pessoas acima:
Em verdade, em verdade vos digo: Quem crê tem a vida eterna. Eu sou o pão da vida. Vossos pais comeram o maná no deserto e morreram. Este é o pão que desce do céu, para que todo aquele que dele comer não morra. Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu darei pela vida do mundo é a minha carne.E os judeus começaram a discutir entre si, dizendo: Como pode ele nos dar sua carne para comer? Então Jesus lhes disse: Em verdade, em verdade vos digo: Se não comerdes a carne do Filho do homem, e não beberdes o seu sangue, não tereis vida em vós mesmos. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. - João 6:47-54.
Perceba que quando Jesus faz uso dos pronomes quem e alguém, ele não está pensando num grupo pequeno dentre um grande. Somente intérpretes muito ruins podem achar que Jesus pensava em poucos dentre todos.

Mas os asseclas do corpo governante foram convencidos por essa liderança que Jesus, quando disse em Lucas 12:32 não temas pequeno rebanho porque aprouve o Pai dar-vos o Reino, estava se referindo aos 144 mil, por isso usou pequeno, e não grande rebanho, como os da grande multidão de Apocalipse 7:9-13. Mas isto é ridículo! O contexto de Lucas 12:32 mostra Jesus falando a seus discípulos. E por acaso os membros da grande multidão de Apocalipse 7:9-13 não seriam também discípulos de Jesus? Óbvio que sim, visto que lavaram as suas vestes e as embranqueceram no sangue de Jesus. Assim como Deus se referiu aos judeus cativos que voltariam do exílio babilônico como o menor e o pequeno que se tornariam mil e uma nação forte (Isaías 60:22), da mesma forma Jesus se referiu àqueles poucos discípulos como pequeno rebanho, mas não seriam para sempre pequeno, pois com eles estavam muitos milhares de pessoas, a ponto de atropelarem umas às outras (Lucas 12:1) e em João 10:16 Jesus disse que tinha outras ovelhas, as quais iram trazê-las para ouvir a sua voz e formariam UM SÓ REBANHO, um só pastor. É irônico ler nas páginas da literatura TJ que João 10:16 começou a se cumprir em 1935, quando o "jeová TJ" começou a ajuntar as outras ovelhas, que para a seita se referem à Grande Multidão. Veja como a interpretação cristã mostra quando Deus começou a ajuntar as outras ovelhas. Há 21 textos que possuem números ou expressões que transmitem a ideia de crescimento quantitativo. São os seguintes: 
  1. Atos 1:15 – “120 pessoas”.
  2. Atos 2:41 – “3.000 pessoas”.
  3. Atos 2:47 – “acrescentaram-lhes”
  4. Atos 4:4 – “5.000 homens”
  5. Atos 5:14 - “crescia a multidão”
  6. Atos 6:1 - “multiplicando-se”
  7. Atos 6:7 – “multiplicava”
  8. Atos 8:6 – “multidões”
  9. Atos 9:31 – “crescia em número”
  10. Atos 9:42 – “muitos”
  11. Atos 11:21 – “muitos”
  12. Atos 11:26 – “numerosa multidão”
  13. Atos 14:1 – “grande multidão”
  14. Atos 16:5 – “aumentavam em número”
  15. Atos 17:4 – “numerosa multidão”
  16. Atos 17:12 – “mulheres e homens”
  17. Atos 18:8 – “muitos coríntios”
  18. Atos 19:18 – “muitos creram”
  19. Atos 19:20 – “Palavra crescia”
  20. Atos 21:20 – “dezenas de milhares”
  21. Atos 28:22 – “toda a parte”
Ensinar que apenas 144 mil podem tomar do pão e do vinho é errôneo! Com os textos acima nas mãos podemos perceber que logo no primeiro século já haveria excedido o número 144 mil. Portanto, as outras ovelhas de João 10:16 são ovelhas somadas ao pequeno rebanho, que constituem o corpo de Cristo, ou seja, todos os verdadeiros crentes salvos pelo sacrifício de Jesus Cristo, portanto, DEVEM participar da ceia comendo o pão e bebendo do vinho, símbolos do corpo e do sangue de Jesus respectivamente.

Paulo, mais à frente, menciona a ceia aos Coríntios. Ele escreveu:
Pois recebi do Senhor o que também vos entreguei: o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão e, depois de ter dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é dado por vós. Fazei isto em memória de mim.  Do mesmo modo, depois de comer, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é a nova aliança no meu sangue. Fazei isto todas as vezes que o beberdes, em memória de mim. Porque todas as vezes que comerdes deste pão e beberdes do cálice proclamais a morte do Senhor, até que ele venha. - 1 Coríntios 11:23-26.
Algum indicativo nesse texto que uma minoria deveria participar dos emblemas e a maioria fazer o que o vídeo acima mostra? De jeito nenhum! A frase isto é o meu corpo que é dado por vós mostra que todos devem fazer isto em memória de Jesus, e não apenas alguns, já que Cristo morreu por todos os cristãos verdadeiros, e não apenas por alguns.

Com isso em mente, perguntamos aos TJs:

➽ Onde a Bíblia ensina que apenas os 144 mil podem participar dos emblemas?
➽ Onde a Bíblia ensina que os membros da grande multidão não podem participar dos emblemas?

A resposta é: EM LUGAR NENHUM! 

Portanto, a Ceia dos TJs, chamada de Comemoração da Morte de Cristo, não é nem de longe o modo correto de celebrarmos a morte de Jesus. Esta ceia, em vez de agradar o Deus da Bíblia, não passa de MESA DE DEMÔNIOS, os quais devem se banquetear com o alimento espiritual contaminado oferecido pelo corpo governante dos testemunhas de Jeová. Portanto, exortamos a todas as igrejas cristãs e a cada membro delas que jamais participem da ceia TJ. Ela nada mais é do que uma ceia apóstata, inventada por pessoas que saíram da igreja cristã para formar uma seita.

E para terminar, louvo ao Deus da Bíblia que me libertou da seita TJ, e depois de quase 17 anos sendo nutrido pelo próprio Satanás, aos 29 de dezembro de 2002, participei pela primeira vez da verdadeira Ceia do Senhor Jesus, exatamente no dia de meu batismo verdadeiramente cristão.- Fernando Galli.
____________________

O objetivo desta matéria não é pregar o ódio religioso, mas exortar os cristãos a evitar o erro religioso. Assim como os TJs ensinam a considerar os ensinos da Cristandade e os textos religiosos escritos por ex-TJs como mesa de demônios, assim temos o direito de achar o mesmo dos ensinos TJs.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - DESCULPAS PARA JUSTIFICAR SUAS FALSAS PROFECIAS PARA 1914, 1925 E 1975

APOSTILA - RAZÕES PARA JAMAIS SER TESTEMUNHA DE JEOVÁ - NÍVEL INICIANTE 1

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7