TEREMOS TUDO O QUE PEDIMOS?


Dentre os inúmeros textos mal interpretados por grupos neo-pentecostais está o de Marcos 11:24. Lemos ali: "Por isso vos digo que tudo o que pedirdes em oração, crede que já o recebestes, e o tereis." Com essas palavras, será que deveríamos crer que todos os nossos pedidos em oração serão atendidos?

Em primeiro lugar, quem na história cristã teve todas as orações atendidas? Nem Jesus teve, pois ele pediu que, se fosse possível, Deus afastasse aquele sofrimento dele, e sabemos que isto não ocorreu. Jesus concluiu: "Todavia, não seja feita a minha vontade, mas a tua." (Lucas 22:42) O que significa a expressão "vontade de Deus"? Veja a definição abaixo:
"O conceito de "vontade", quando aplicado a Deus na teologia e na Bíblia, nem sempre tem a mesma conotação. Ele pode denotar toda a sua natureza moral incluindo seus atributos, a faculdade de autodeterminação (Sl 115.3; Dn 4.35), um plano pré-determinado como no caso de um decreto (Ef 1:9, 10; Ap 4.11 etc.), o poder para cumprir seus planos e propósitos (Pv 21.1; Rm 9.19; 2 Cr 20:6), ou a regra de uma vida imposta sobre as criaturas racionais, isto é, a vontade objetiva de Deus, que se pode guardar (Mt 7.21; João 4.34; 7.17; Rm 12.2." [1]
Assim, precisamos entender que a vontade de Deus não é apenas o que Ele acha ser bom, mas o que Ele determina para alguém. É o caso de Jesus. Era correto para Deus o fato de Jesus não querer sofrer, mas a vontade de Deus, ou seja, o que Ele havia decretado para Jesus era que ele sofresse. Deus achava ser bom Paulo se livrar do espinho na carne, mas Ele não quis assim. Veja:
"Até mesmo sobre essas extraordinárias revelações. Portanto, para que eu não me tornasse arrogante, foi-me posto um espinho na carne, um mensageiro de Satanás para me atormentar, para que eu não me tornasse arrogante. Pedi ao Senhor três vezes que o tirasse de mim. Mas ele me disse: A minha graça te é suficiente, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. Por isso, de muito boa vontade me gloriarei nas minhas fraquezas, a fim de que o poder de Cristo repouse sobre mim." - 2 Coríntios 12:7-9.
Será que Paulo pediu sem fé? Será que pedir para tirar um espinho na carne era errado? Não! Qualquer um de nós faríamos o mesmo. Mas não estava de acordo com a vontade de Deus, ou com aquilo que a Deus havia determinado para Paulo.

Assim, quando Jesus disse que teremos tudo o que pedimos ele estava se referindo ao que pedimos de acordo com o que Deus quer que ocorra para nós. João escreveu:: "Se pedirmos alguma coisa segundo sua vontade, ele nos ouve". (1 João 5:14) Entenda que o "tudo" de Marcos 11:24 tem que ser segundo a vontade de Deus, ou aquilo que Ele quer lhe causar. Isto significa que estão completamente equivocados aqueles religiosos que encostam Deus na parede dizendo: "Deus, me ouça! Eu sou teu filho! Traga de volta o que é meu!" - Fernando Galli.
________________________

[1] Dicionário Bíblico Wycliff. Página 2025. Rio de Janeiro-RJ: CPAD, 2010.

Postagens mais visitadas deste blog

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - DESCULPAS PARA JUSTIFICAR SUAS FALSAS PROFECIAS PARA 1914, 1925 E 1975

APOSTILA - RAZÕES PARA JAMAIS SER TESTEMUNHA DE JEOVÁ - NÍVEL INICIANTE 1

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7