INFINITESIMAMENTE PEQUENINOS E ALVOS DA GRAÇA DE DEUS


A seguinte notícia motivou-a a uma reflexão sobre a nossa pequenez e a nossa grandeza. Será que Deus nos considera importantes? Leia a seguinte noticia que me impactou.

"Um mosaico de imagens do centro da Via-Láctea, tiradas com um telescópio no Chile, registrou a presença de cerca de 84 milhões de estrelas, na maior observação desse tipo já feita pela astronomia. O trabalho, de um grupo internacional de cientistas, que contou com quatro brasileiros, resultou em uma “foto” gigantesca de 9 gigapixels - se fosse impressa, na resolução típica de publicação em livro, teria 9 metros por 7 metros." - Estadao - Conteúdo, 25 de outubro de 2012.
Apenas uma porção da Via Láctea e pequena contém 84 milhões de estrelas, e conforme cálculos da NASA, pode haver cerca de 100 a 120 bilhões delas apenas em nossa galáxia. Outros cálculos afirmam que se viajássemos na velocidade da Luz demoraríamos 100 mil anos para atravessar a Via Láctea. Por incrível que pareça, pode haver cerca de 100 bilhões de galáxias!

Então, meditemos no que o Salmista exclamou, ao contemplar de forma limitada, sem a NASA e os observatórios atuais:
"Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que estabeleceste, que é o homem, para que te lembres dele? E o filho do homem, para que o visites?" - Salmo 8:3, 4.
O que de fato somos nós em grandeza física diante de um universo tão imenso? NADA! Mas o que somos em grandeza espiritual para Deus? Muito! Deus, em Cristo Jesus, tem salvo muitos para a vida eterna. Da eternidade de Deus, antes de criar todas as coisas, Ele já nos amava, pois antes da fundação do mundo predestinou pessoas para serem salvas. Sobre isso, diz a Bíblia:
"Como também nos elegeu nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis diante dele em amor." - Efésios 1:4.
Sem entrar na questão se fomos individualmente ou como grupo predestinados, o que interessa é: Deus se importou com seres infinitamente pequenos quanto à grandeza física, mostrando a nossa grandeza em sentido espiritual. Não somos deuses, como querem apregoar alguns grupos religiosos, mas valemos mais do que muitos passarinhos (Mateus 10:31), Jesus se fez como nós (Filipenses 2:5-8), morrendo para nos salvar. Fomos alvos da graça de Deus antes mesmo da criação de todas as coisas! - Efésios 2:8-10.

Então, olhe para o céu, da janela do seu quarto, numa noite bem estrelada e renda-se em quebrantamento e gratidão ao CRIADOR de todas elas. Disse Isaías:
"Levantai os olhos para o alto e vede: Quem criou estas coisas? Foi aquele que faz sair o exército delas segundo o seu número; ele chama a todas pelo nome. Por ser ele grande em força e forte em poder, nenhuma delas faltará." - Isaías 40:26.
Se Deus chama as estrelas por nome, Jesus chama a nós por nome. (João 10:3) Então somos muito valiosos para Deus, em Cristo Jesus. Sejamos gratos a Deus por tão grande salvação em Jesus. (Hebreus 2:3) Oremos sempre. (1 Tessalonicenses 5:17) Falemos de Cristo! (Romanos 1:16) Louvemos a Deus sempre. (Salmo 150) Humilhemo-nos diante dEle, o nosso Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Deus ama os salvos! Deus cuida deles. Deus os faz brilhar num mundo de trevas (Mateus 5:14). - Fernando Galli.