DISCIPULANDO OS QUE DIZEM: "NÃO SEI QUAL IGREJA FREQUENTAR".

 Apenas nas ruas próximas de minha casa há umas qunze igrejas. Costumamos dizer que Deus abre várias portas para que o incrédulo aceite a Cristo. Todavia, quando realmente cristãs, muitas placas denominacionais, com suas doutrinas secundárias em conflito, pode gerar dúvida na mente daqueles que receberam Jesus em suas vidas. Também, há aqueles que não conseguem se adequar a uma igreja, devido a conflitos pessoais, escândalos, e não progridem na fé. Como evangelizar e discipular a essas pessoas? Que palavras iniciais podemos dirigir a elas? 

Estratégia de evangelismo e discipulado. 

Concentre-se na pessoa de Cristo. Ele é a verdade absoluta. (João 14:6) Depois prove na Bíblia que a religião ou igreja verdadeira é um modo de vida adotado por todos aqueles que aceitam a Jesus e o servem, conseqüentemente. (Hebreus 10:24, 25)   numa igreja cristã. Ajude-a a entender que somos imperfeitos, por isso, muitos observam apenas os erros. Assim, estude e enumere as características da igreja verdadeira. Explique também que a verdadeira Igreja de Cristo compõe-se dos salvos, e que eles estão representando a Cristo em suas igrejas e neste mundo sem Deus. Isso a fará compreender o que Jesus espera dos membros de sua Igreja e como devem agir no seu dia-a-dia nas igrejas. 

Demonstre amor


O amor persevera. Assim, não desista de mostrar paciência, atenção e compreensão. Ouça os motivos que deixam a pessoa indecisa. Coloque-se no lugar dela. Evite ser superficial quando ouvi-la falar sobre erros e falhas no meio cristão. Prove a ela que Deus a entende, mas ao mesmo tempo que a deseja no meio das ovelhas de Jesus.

Possíveis reclamações e possíveis respostas

Cena 1 - “Cada religião diz ser a verdade. Na minha família tem pessoas de várias crenças. Sai briga aqui em casa, às vezes. Assim fica difícil!”


Resposta: Em primeiro lugar, religião é a sua fé. Quem tem fé no Buda é budista. Quem tem fé em Ala é muçulmano. Quem tem fé em Jesus é cristão. Assim, minha religião é o Cristianismo. Dentro do Ciristianismo, há muitas denominações que professam a crença em Jesus. E há aquelas que dizem crer em Jesus, mas ensinam um outro Jesus, tornando-se uma seita. Se tentarmos encontrar o caminho certo apenas por ouvir o que as pessoas dizem, ficaremos realmente em dúvida. Mas se acreditarmos nas simples palavras de Jesus, já estaremos dentro da religião verdadeira. Jesus disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida.” (João 14:6) Você crê nisso? (Espere uma resposta.) Se você crê, precisa aceitá-lo como seu único Salvador. (João 3:16) Depois de aceitar a Jesus, você entenderá que as igrejas ou denominações cristãs - Batista - Presbiteriana - Metodista - Assembléia de Deus - Quadranguar e outras têm suas diferenças de interpretação, mas todas ensinam a salvação exclusivamente através de Jesus Cristo. Deus sabe que não podemos interpretar a Bíblia cem por cento corretamente, pois Ele é o seu Autor. Por isso, Ele compreende essas diferenças, mas não deseja que briguemos por assuntos de segunda importância. Ele deseja que tenhamos fé em Jesus, e que este Filho amado que morreu por nós seja o centro de nossas vidas. Portanto, ao aceitar a Jesus como seu Deus, Senhor e Salvador, você pode decidir ser membro de uma das igrejas que ensinam a doutrina de Jesus, que só ele é o caminho a verdade e a vida. Sabia que Jesus, e a própria Bíblia, ensina-nos a viver harmoniosamente apesar dessas diferenças?

Observação: Aqui será muito importante você ensinar seu ouvinte a praticar os mandamentos recíprocos: Amai-vos uns aos outros, perdoai-vos, suportai-vos, entre outros. 

Cena 2 - “Fui a uma igreja, o Padre só ficou falando em política. Fui nos crentes, vi lá dentro brigas entre jovens, crianças brincando e fazendo barulho fora da igreja. Sem contar aqueles que lá dentro parecerem uma coisa, mas na vida real não serem nada daquilo.”

Não existe igreja perfeita. Desde a primeira igreja cristã, há quase dois mil anos, há problemas. Não devemos escolher a denominação cristã esperando perfeição. Mas a Bíblia mostra que o amor é um sinal dos que seguem a Cristo. Veja o que Jesus disse em João 13:34, 35. (Leia o texto e pergunte o que a pessoa entendeu.) Assim, quando demonstramos amor, compreendemos os erros dos outros. Aprendemos a perdoar. E isso gera um ambiente cristão dentro da igreja. Você está disposto a perdoar e compreender? (Espere uma resposta.) Todavia, Deus entenderá se você se sentir melhor numa igreja mais organizada, onde os pais ensinam seus filhos a se comportarem como ouvintes da Palavra, onde o pregador fale sobre o Reino de Deus e seu Rei Jesus Cristo. Gostaria de te convidar para assistir a um de nossos cultos. Que eu me lembre, nos últimos cultos eu aprendi muita coisa interessante. (Fale do que você aprendeu.) Podemos combinar para eu te levar ao templo nesse próximo domingo?

Observação: É importante ensinar a pessoa a se concentrar no exemplo de Jesus, e naqueles que seguem suas pisadas. (1 Pedro 2:21) O fato de uma pessoa trabalhar numa empresa e observar que alguns não se comportam bem, em si, não deve fazer a pessoa abandonar o trabalho. O mesmo podemos dizer de freqüentar e ser membro ativo numa igreja cristã. Motive a pessoa assistir aos cultos regularmente. (Hebreus 10:24, 25) Mas não insista. Pergunte ao pastor sobre qual tema ele pretende falar, e avise a pessoa por telefone. Deixe-a interessada. Ensine-a a anotar os pontos principais da mensagem, ou se preferir, no começo faça isso para ela. Prove para ela que prestando atenção nos ensinos bíblicos e em Jesus, os cultos terão um significado especial para ela. Outra dica importante é apresentar a ela pessoas de fé, alicerçadas na Palavra, de boa reputação. Ao levá-la ao culto, faça-a sentir-se bem recebida. 

Cena 3 - “Eu até gostaria de freqüentar uma igreja, mas olha só: é proibido um monte de coisas que eu gosto de fazer. Por exemplo, gosto de uma cervejinha. O pastor falou que é pecado. Gosto de dançar em nightclubs, mas o pastor disse que Deus não gosta desse tipo de lugar. Então, vou sacrificar os meus gostos para ser membro de uma religião? Por outro lado, se eu for numa religião liberal demais, fico me perguntando se Deus aprova tudo aquilo. Escolher igreja tá difícil!” 

Resposta - "Se você amar a pessoa de Cristo Jesus, e for grato por tudo o que Ele fez por nós, então deverá entender que Ele, como o fundador da Igreja Cristã, quer o nosso melhor. Para isso, Deus deixou-nos a Bíblia como um guia para as nossas vidas. Ela é uma fonte de verdades e conselhos para o nosso bem. Então pergunte-se: Não é verdade que muitos ao iniciarem a beber se tornaram viciados e passaram a andar com más amizades? Não é verdade também que dançar em nightclubs nos põe junto com pessoas não-cristãs, que fumam drogas, bebem, brigam, agindo de um modo que Jesus jamais aprovaria? (Espere uma resposta.) Por isso, pergunte-se: Deus ficaria mais triste ou mais feliz comigo se eu deixasse de beber e de freqüentar certos lugares? Mas a igreja que frequento se reúne para confraternização: fazemos almoços, retiros, passeios, muitos saem para comer uma pizza depois do culto. As igrejas sérias possuem pastores que cuidam do rebanho, das ovelhas. Por isso, pode parecer que sua liberdade seja menor, mas com o tempo você perceberá que valeu a pena conhecer pessoas que amam a Deus e desfrutam do companheirismo cristão com elas. Que tal, então, comermos uma pizza depois do culto de domingo?

Observação: Perceba que nessa abordagem não se mencionou nenhum texto bíblico. Mas a essência da Palavra de Deus está por trás dessas palavras, pois as más amizades estragam bons costumes (1 Coríntios 15:33), por isso precisamos de nos associar com cristãos, para sermos estimulados ao amor e às obras boas. (Hebreus 10:24, 25) A prática do cristianismo e os bons costumes que dele aprendemos substitui, aos poucos, os desejos da carne. Foi exatamente isso que aconteceu conosco quando o Espírito Santo passou a morar em nós. Fomos mudando aos poucos em muitas áreas de nossas vidas. O mesmo ocorrerá com pessoas sinceras à Verdade. Por isso, oriente a pessoa a acreditar que ela pode ser feliz seguindo os passos de Jesus juntamente com seus seguidores. Em conversas adicionais você poderá ler textos bíblicos que falem de felicidade (Mateus 5:3-12), liberdade (João 8:32) e viver para agradar a Deus. - Provérbios 27:11.

Um alerta

Evidentemente, no evangelismo e discipulado, nosso alvo é permitir que as pessoas vejam o caráter de Cristo refletido em nossas vidas. Por isso, devemos ser maduros e saber trabalhar com essas diferenças de personalidade e de pontos secundários nos ensinamentos das denominações cristãs. Por isso, o alvo é Cristo. Um discípulo mal orientado se concentrará nos erros, e será um "prato cheio" nas garras dos sectários, cujas organizações são uniformizadas e robotizadas para dar ares de unidade cristã, quando na verdade seguem a homens. Portanto, ensinemos a todos os que se queixam de erros, falhas, pecados e divergências que, apesar de tudo isso, Cristo nos une e que a Bíblia nos exorta a discordarmos dos nossos irmãos cristãos com respeito, através do amor de Cristo. Ele, por fim, levar-nos-á ao Reino dos Céus. Ali usufruiremos a verdadeira e plena unidade por toda a eternidade. - Fernando Galli, 22 de julho de 2010.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - DESCULPAS PARA JUSTIFICAR SUAS FALSAS PROFECIAS PARA 1914, 1925 E 1975

APOSTILA - RAZÕES PARA JAMAIS SER TESTEMUNHA DE JEOVÁ - NÍVEL INICIANTE 1

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7