CRESCENDO EN GRAÇA - 30 DE JUNHO 2012: CONTAGEM REGRESSIVA PARA OS MEMBROS DA SEITA SEREM GLORIFICADOS.


Um falso-Cristo à solta no mundo propaga a seguinte mensagem: "Eu sou Jesus Cristo Homem". Um ex-pastor e líder batista de Porto Rico chamado José Luis de Jesus Miranda há quase duas décadas afirma ter recebido a visita de Jesus Cristo, o qual teria revelado a ele sua real identidade, quando ele tinha por volta de seus 40 anos. Qual identidade? Que ele era a encarnação de Jesus Cristo Homem.

Como tal, agora morando em Miami, EUA, este Senhor se declara Rei do Reino de Deus cuja capital é Miami, obviamente, local em que desfruta de um salário acima de 140 mil dólares. Já foi casado e divorciou-se, foi obrigado pela justiça Americana a pagar pensão à ex-esposa. Ensina que desde que morreu na cruz, não existe mais o pecado. Por isso, homossexuais e drogados afirmam nessa igreja: "O meu espírito está salvo, assim, não importa o que eu faço com meu corpo".

São tantos erros teológicos desse movimento que já é possível escrever muitos livros para refutá-los. Já há tempos, o tal J. L. Jesus Miranda apregoa que em breve a grande Meretriz de Apocalipse, o Vaticano, será queimada e destruída, após o que todos os seus seguidores, que se apelidam uns aos outros de "abençoados", serão glorificados em seus corpos e reinarão toda a terra debaixo do Rei dos reis, Jesus Cristo Homem. E para piorar as aberrações, criaram uma contagem regressiva para esse acontecimento, com data limite, segundo cálculos, para 30 de junho de 2012. Tinha que ser 2012!

Fazer o Vaticano pegar fogo não é problema para uma organização com 2 milhões de adeptos no mundo, cujo líder sofre investgação do FBI. Meu receio é com as vítimas do novo "grande desapontamento" que certamente ocorrerá, a menos que o verdadeiro Jesus Cristo busque sua igreja antes de 30 de junho de 2012. 

E quais poderiam ser as consequências desse desapontamento? Pelas conversas que tenho mantido com adeptos dessa seita unicista, acho possível haver até suicídio, visando uma suposta glorificação. Os fieis não admitem essa possibilidade, pois creem piamente que a data supracitada certamente iniciar-se-á uma nova etapa do governo do "Jesus" deles. Tenho plena certeza de que não ocorrerá!

Outra possibilidade, como consequência, seja a perda de muitos fieis que se sentirão ludibriados com justificativas "a lá testemunhas-de-jeová e adventistas do sétimo dia", seitas que justificaram suas profecias não cumpridas para a volta de seus "jesus-cristos" para 1914 e 1843/44 respectivamente por afirmarem que haviam acertado a data mas errado o acontecimento profético. - Fernando Galli, 15.06.2009.

Postagens mais visitadas deste blog

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ - DESCULPAS PARA JUSTIFICAR SUAS FALSAS PROFECIAS PARA 1914, 1925 E 1975

APOSTILA - RAZÕES PARA JAMAIS SER TESTEMUNHA DE JEOVÁ - NÍVEL INICIANTE 1

ESBOÇOS DA FÉ - QUE TIPO DE UVAS VOCÊ PRODUZ? - ISAÍAS 5:1-7