COMO JESUS NOS AJUDA A LIMPAR O NOME?



"Mais vale o bom nome do que as muitas riquezas" (Provérbios 22:1) O que significa, nesse texto, a expressão "o bom nome"? R. N. CHAMPLIN comenta que o bom nome tem a ver com a natureza da pessoa e que ela não pode ser hipócrita. - O Antigo Testamento Interpretado Versículo Por Versículo, página 2647. Volume 4. Editora HAGNOS. 

Nome tem a ver com fama, reputação e imagem que os outros fazem da pessoa. Como cristãos, precisamos mostrar que o nosso nome está à altura do nome de Jesus. (Efésios 4:1) Junto com a nossa reputação está o nosso nome pessoal. Muitos cristãos têm boa fama na vizinhança, entre os amigos, na família, mas possuem seus nomes no SCPC e SERASA, que são servços de proteção ao crédito; uns porque administraram mal o seu dinheiro; outros porque imprevistos lhe sobrevieram, pois a Bíblia diz: "Porém tudo depende do tempo e do acaso". (Eclesiastes 9:11) Uns estão com seus nomes "sujos" por malandragem; outros por terem problemas com compulsão em comprar.

Como o cristão sincero e temente a Deus reage quando seu nome fica "sujo"? Ele fará de tudo para pagar as dívidas. Ouve-se de cristãos frases do tipo: "Depois de 5 anos, caduca"; "Deus proverá!"; "Preciso repreender o Diabo! Ele que me causou isso!"; "Deus, em nome de Jesus, eu determino que meus credores me perdoem". O cristão honesto não deveria agir assim. Mas e se ele não tiver como pagar? Deus entenderá o assunto, mas o cristão procurará seus credores para explicar a situação.

Outro ponto importante: Pode ser que o cristão não possa pagar a dívida, mas e se ele tiver bens que possam ser vendidos para limpar o seu nome? Não ensina a Bíblia que um bom nome vale mais do que riquezas?

E se alguem dissesse: "Não me diga que o seu Jesus vai me tirar do SCPC e do SERASA?" Então, poderíamos responder:
"Amigo, quando Jesus falava sobre ter em mente o real desafio de segui-lo, ele disse: "Se um de vocês quer construir uma torre, primeiro senta e calcula quanto vai custar, para ver se o dinheiro dá." (Lucas 14:28, Nova Tradução na Linguagem de Hoje) Portanto, se você já tivesse conhecido a Jesus e obedecido a suas palavras, seu nome estaria sujo?" Se você fosse levar a sério as palavras de Jesus, jamais, não é mesmo?"
Não estou criticando pessoas com seus nomes sujos. Mas em muitos casos isso se dá por irresponsabilidade. Vemos essa mesma irresponsabilidade quando cristãos, ao fazerem suas compras, mesmo sem dinheiro, afirmam: "Fui pela fé!" Mas será que Deus é o responsável por casos assim ou é obrigado a cobrir nossos rombos financeiros? Evidentemente que não! Portanto, da próxima vez que pretendermos comprar algo, oremos a Deus e perguntemos: Deus, em nome de Jesus, o SENHOR assina em baixo o que vou comprar?"

Nnão significa necessariamente que não possamos parcelar o valor total caso não tenhamos o valor à vista, mas a pessoa prudente analisará os riscos com oração. Perguntemo-nos: O dinheiro que entrará é certo? Se eu fosse demitido após a compra conseguiria pagar com tranquilidade? E principalmente: Não seria melhor economizar e comprar à vista com desconto?

Se seu nome está sujo, peça para irmãos experientes ajuda para por em prática o princípio de Lucas 14:28. Este princípio é tão bom que não só nos ajuda a manter o nome limpo, como também a limpar o nome sujo. Como disse certa irmã: "A melhor quebra de maldição que já fiz foi quebrar meu cartão de crédito". Ou seja, "se o teu cartão te faz tropeçar, quebre-o." - Fernando Galli.